Seus Hábitos Podem Te Tornar Cada Vez Mais Rico

Tempo de leitura: 3 minutos

 

Você se considera uma pessoa rica? Não, não estou falando sobre sua conta bancária ou sobre os bens que adquiriu ao longo da vida. Mas sobre o seu pensamento financeiro e sobre a forma como lida com o dinheiro em seu cotidiano. As pessoas ricas não são, necessariamente, as que mais possuem. Mas sim aquelas que sabem administrar o que possuem para que não falte (e sempre aumente) com o passar do tempo.

Cada Centavo Faz a Diferença

A forma mais simples de identificar se você é uma pessoa rica ou não, é através dos hábitos diários, ou seja, a forma como o dinheiro tem impacto em seu cotidiano e como você avalia a necessidade dos gastos. Uma pessoa com hábitos financeiros saudáveis sempre pensará bem antes de gastar qualquer quantia, especialmente com coisas simples. Afinal de contas, cada centavo faz a diferença para quem deseja poupar e aumentar a rentabilidade.

Ser rico não é apenas adquirir carros, imóveis ou fazer compras caras, tampouco pode ser classificado como gastar sem medidas. O que faz de uma pessoa rica são seus hábitos financeiros, principalmente nos pequenos detalhes, como um cafezinho todos os dias ou a forma como você decide administrar os gastos.

Temos um artigo sobre 10 aplicativos de Finanças Pessoais que podem te ajudar. Clique e leia!

Comece Com Hábitos Simples

Um hábito simples, mas que tornará você cada vez mais rico está no corte de consumo de comidas e bebidas fora de casa. Se você está acostumado a tomar café numa padaria, almoçar com os amigos do trabalho e pegar algo para comer na janta apenas pela comodidade, saiba que seu bolso está cada vez mais magro. Isso porque os gastos que parecem insignificantes são aqueles que mais fazem diferença quando fechamos as contas. Investir em um copo térmico, levar marmitas e lanches e cozinhar a própria janta, além de mais saudável, sai muito mais barato e possibilita grande economia ao final do mês.

Da mesma forma, avaliar a necessidade de serviços contratados e eliminar aqueles que não fazem tanta diferença no dia a dia também podem auxiliar no processo de enriquecimento. Você certamente não precisa de tantos canais de TV (se ainda possui serviço de TV por assinatura), da mesma forma como as revistas e jornais que assina podem ser obtidos via internet sem gasto e sem acúmulo de lixo.

O hábito de comprar por impulso, propagado na cultura POP como um hábito de ricos, pode ser um grande inimigo das suas finanças pessoais e até mesmo prejudicar seus investimentos. Compre apenas o que lhe é necessário e sempre pesquise preços em concorrentes antes de pagar por algo. Não tenha vergonha de pedir descontos e sempre tente negociar um preço melhor. Muitas vezes você pode conseguir até 25% de desconto em um produto apenas por pedir para conversar com o gerente e pechinchar um pouco mais. Conheça melhor a V10 e conte com nossos serviços de planejamento financeiro.

Se interessou? Leia o nosso artigo: Como Se Livrar Do Hábito De Gastar Por Impulso

Administre o Que é Supérfluo

Isso não significa, no entanto, que você deixará de comprar coisas que gosta ou que jamais se dará ao luxo de comprar coisas supérfluas, mas sim que você saberá o valor desses gastos e o impacto que eles terão em seu orçamento. Se o que for dado como supérfluo fizer parte de seu prazer pessoal, certamente poderá ser incluso nas metas de curtíssimo prazo. O segredo é realizar um planejamento financeiro, assim, poderá manter parte das economias mensais já reservada para esses momentos, caso queira um sapato novo ou um jantar em seu restaurante favorito, por exemplo. Busque a ajuda de um consultor da V10 para organizar seus gastos, analisar quais mudanças podem ser realizadas em prol de uma rentabilidade maior.

Quer saber como realizar um Planejamento Financeiro Pessoal? Clique aqui!

Pense Sempre nas Vantagens de Economizar

Os hábitos que transformam uma pessoa em mais rica são muito mais simples e impactantes do que imaginamos. Se cada café que você toma antes do trabalho lhe custa R$ 4,00, ao final do mês você terá poupado R$ 80,00, isso sem levar em consideração os demais gastos que surgem quando você está acostumado a comer fora de casa.

O mesmo pode ser aplicado para meios de transporte, escolhas de lazer aos finais de semana, idas ao supermercado e escolha de roupas. Sempre há uma opção mais barata (que muitas vezes também é a mais simples), que pode gerar grandes economias em longo prazo. Faça o teste em seu dia a dia e comprove a diferença que os simples gestos podem fazer, te tornando uma pessoa cada vez mais rica, tanto no pensamento quanto nos investimentos!

Conte, também, com um de nossos consultores financeiros. Estamos prontos para te ajudar!